026 – PAIS QUE MARCAM A VIDA DE SEUS FILHOS

TEXTO – Gênesis 24:2,4 – TEMA: PAIS QUE MARCAM A VIDA DE SEUS FILHOS026

INTRODUÇÃO

pai_e_filho_3      Hoje é chamado de dia dos pais… A Bíblia não nos fala de homens que foram pais perfeitos… mas uma personagem bíblica se destaca por ter sido um ótimo pai. Como ser humano, teve muitos defeitos, mas ele marcou a vida de seu filho. Estudando sua vida, encontramos três passos de um Pai que marcou a vida de seu filho… Estou falando de Abraão.

Quais os passos que tornaram Abraão um pai que marcou a vida de seus filhos?

…o primeiro passo foi esse:

I – ABRAÃO CRIOU ISAQUE NOS CAMINHOS DO SENHOR DESDE SEU NASCIMENTO

 Em Gn 21.4, lemos que já aos oito dias de vida, Abraão fez à Isaque conforme Deus havia mandado. A constante preocupação dos pais é suprir aos filhos em suas necessidades: comida, estudo, roupas…

Mas como pais, precisamos também nos preocupar em direcionar os filhos nos caminhos do Senhor: Igreja, estudo da Bíblia, ensino da oração, a amar a Deus e a obedecê-Lo.

“Muitos pais dão tudo aos seus filhos, menos a si mesmos.” Mas Abraão era até um pai coruja, pois no v.8, lemos isto: “O menino cresceu e foi desmamado. E, no dia em que o menino foi desmamado, Abraão deu uma grande festa”. Abraão fez uma festa, quando Isaque desmamou!

Como pais, precisamos estar atentos a esses momentos especiais da vida de nossos filhos: deixou a chupeta? Comemore! Saiu da mamadeira? Comemore! Fez um bom trabalho? Comemore!

Ser um pai presente, implica em coisas simples, por exemplo: Saber a idade do filho, a série, e outras coisas assim.

O primeiro passo de um pai que marca a vida de seus filhos é criar seu filho nos caminhos de Deus.

…o próximo passo de Abraão para marcar a vida de Isaque foi esse:

II – ABRAÃO SE PREOCUPOU COM O FUTURO DE SEU FILHO

Em Gn 24.2; 4, está escrito isto: “Um dia ele chamou o seu empregado mais antigo, que tomava conta de tudo o que ele tinha, e disse… [v.4] Vá até a minha terra e escolha no meio dos meus parentes uma esposa para Isaque”.

Abraão se preocupou com a futura vida familiar de Isaque… um cuidado que se evidenciou em duas áreas:

Primeiro, Abraão orientou o seu filho Isaque a ter uma esposa cristã. Para Abraão, se Isaque não tivesse uma mulher crente, uma esposa crente, então, certamente eles teriam problemas. É que “Um casal é mais feliz quando canta a mesma música.”

Segundo, Abraão ensinou seu filho que o sucesso no casamento consistia, não apenas em encontrar a companheira certa, mas também em ser o cônjuge certo. Assim, Abraão marcou a vida de seu filho!

Ele demonstrou amor por Isaque dedicando sua vida para colocar seu filho nos caminhos do Senhor e se preocupando com o seu futuro.

…mas havia um último passo que foi a base pela qual Abraão marcou a vida de seu filho Isaque:

III- APESAR DE AMAR ISAQUE DE TODO O SEU CORAÇÃO, ABRAÃO AMAVA MAIS A DEUS

Lemos  em Gn 22, duas passagens interessantes, o v.2 e o v.12: “Então Deus disse: -Pegue agora Isaque, o seu filho, o seu único filho, a quem você tanto ama, e vá até a terra de Moriá. Ali, na montanha que eu lhe mostrar, queime o seu filho como sacrifício” e  “O Anjo disse: -Não machuque o menino e não lhe faça nenhum mal. Agora sei que você teme a Deus, pois não me negou o seu filho, o seu único filho”.

Vou dizer algo que vai chocar você, porque isso é uma verdade que às vezes me choca: “Um pai que deseja marcar a vida de seu filho deve estar disposto a sacrificar-se.”

Lemos aqui na Bíblia que Deus pediu que o único filho de Abraão, o seu filho legítimo, fosse queimado, como sacrifício sobre o altar.

Mas há uma revelação aqui: O verdadeiro sacrifício que Deus desejava, não era de Isaque, mas era o coração de Abraão. Deus estava conferindo a quem Abraão realmente mais amava, porque um bom pai ama mais a Deus do que qualquer outra coisa… ou pessoa! Aquele foi um teste e tanto!

Jó é também  um exemplo de pai que provou que amava Deus mais do que seus filhos. Satanás defendeu a tese de que se Jó ficasse sem  dinheiro e sem os filhos não adoraria mais a Deus, só que estava completamente equivocado como vemos na reação de Jó.

Um dos grandes legados que o pai deixa para seu filho é um exemplo de fé inabalável em Deus. Uma fé que esteja acima das circunstâncias, crises, problemas…

CONCLUSÃO

Concluo com este texto do livro do profeta Oséias 11.1: “A respeito do povo de Israel [Israel representa o povo de Deus], o Senhor diz: “Quando Israel era criança, eu já o amava”.

Está lembrado que eu disse que a Bíblia não fala de nenhum pai humano perfeito? Mas a Bíblia nos mostra, [aleluia!] que existe uma Pessoa que deseja ser o seu verdadeiro Pai – o Senhor Deus, vivo e verdadeiro.

Deus é o pai que nos perdoa e nos ama, que nos dá várias chances de acertamos. Só Ele, pode ajudar você a ser o pai que deseja.

Pai, como, Abraão, que criou Isaque nos caminhos do Senhor deste seu nascimento. E que se preocupou com o futuro de seu filho… E que apesar de amar Isaque de todo o coração, provou amar ainda mais a Deus, o Senhor.

Obrigado pela leitura deste post. Visite a Página InicialCLIQUE AQUI

 

Anúncios

Publicado em 08/08/2015, em SERMÕES e marcado como , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Cássia Valéria

    MT.bom!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: