010 – A URGENTE NECESSIDADE DE AVIVAMENTO

TEXTO: Marcos 9,29-30 – TEMA: A URGENTE NECESSIDADE DE AVIVAMENTO – 010

 INTRODUÇÃO

Monte da Transfiguração.

A luta dos discípulos.

A ação de Jesus.

Esta história é uma perfeita representação da nossa condição atual. Aqui, neste menino, vemos o mundo moderno, e nos discípulos, vemos a Igreja de Deus, como está nesta hora presente.

Acaso não é óbvio para todos nós que a Igreja está falhando, que não tem o mesmo impacto que tinha em tempos passados?  Ela está tentando como os discípulos, fazer o melhor possível, talvez, num sentido, mais ativa do que nunca, e, no entanto está falhando em tratar da situação.

A pergunta é esta: Por que nós não podemos expulsá-lo? Por que estamos falhando? Qual é o problema? Qual é a causa deste fracasso?

 I – A primeira resposta é “ESTA CASTA”.

Jesus está dizendo, em outras palavras, que a primeira coisa que precisamos aprender é a diferenciar entre um caso e outro.

Há uma diferença entre “esta casta” e os casos de possessões tratados anteriormente pelos discípulos (Lucas 10). Casos em que eles foram bem sucedidos.

Era preciso fazer um diagnóstico correto do problema: este, como os demais, era um caso de possessão demoníaca. Mas há uma diferença entre demônio e demônio. No reino do Maligno há graus, há uma espécie de hierarquia (Ef. 6,1ss). Há uma escala e no topo está Satanás, o príncipe das potestades do ar, do espírito que opera nos filhos da desobediência (Ef.2,2). Ali está ele, com todo o seu grandioso poder. Debaixo dele, porém, estão todos estes vários outros espíritos que variam muito em força e poder.

Até aquele momento os discípulos depararam com poderes inferiores. Agora, porém, depararam com uma “casta” de poder superior no reino das trevas.

Como cristãos estamos conscientes da profundidade do problema que confrontamos, num sentido espiritual, na presente época? Qual é o diagnóstico correto da nossa época?

< A própria fé em Deus praticamente desapareceu – há uma negação total do espiritual.

< Não somente isso, a autoridade da Bíblia não é mais reconhecida: um livro qualquer, literatura apenas, nada de Palavra de Deus inspirada.

< Jesus Cristo não passa de um grande reformador e líder religioso – sua deidade, nascimento sobrenatural, morte expiatória, milagres, ressurreição, ascensão, tudo é negado.

< Acima e além de tudo isso, somos confrontados pela forma como as pessoas vivem. Não é mais uma simples questão de imoralidade. Nossa sociedade tornou-se uma sociedade amoral ou não moral – o lema é: “MAL SEJA TU MEU BEM.”

 II – Em segundo lugar, o Senhor continua dizendo que “ESTA CASTA NÃO PODE SAIR COM COISA ALGUMA”.

            Há certas coisas que  são totalmente inúteis, quando aplicadas a “esta casta”. ‘Vocês falharam neste caso em particular porque o poder que vocês tinham e que foi suficiente e adequado para outros casos, é inadequado e sem valor aqui.’

Amados, não está se ornando óbvio para nós evangélicos, que tantas coisas que colocamos  a nossa confiança e em que depositamos a nossa fé estão provando não ser de nenhum proveito no trato, no confronto, com as “castas” que dominam os homens em nossos dias?

Eis algumas destas coisas ou alguns desses recursos e meios que ainda estamos depositando muita esperança: -apologética; debates ciência x Bíblia; arqueologia; novas traduções da Bíblia; rádio e televisão; literatura (revistas, livros, folhetos); cruzadas evangelísticas; evangelho social; influência política…

Quais são os resultados do emprego desses meios e recursos? Técnicas, dinheiro, máquinas…?

Há conversões aqui e ali. Igrejas aqui e ali crescem. Mas, e a maioria dos homens e mulheres, as classes trabalhadoras, os estudantes, os dirigentes políticos, os presos, os drogados, os moradores dos edifícios e condomínios fechados… estão sendo persuadidos, estão sendo influenciados? O país está recebendo o impacto dos projetos e campanhas dos evangélicos?

Amados, há certos métodos e certas coisas que fizemos para conquistar o mundo que se tornaram totalmente inúteis. Foram bons e suficientes em outras épocas. Causaram algum impacto e produziu algum resultado em outro tempo, em outras circunstâncias, em certos lugares e culturas.

Estamos próximos a passarmos por um grande avivamento pela simples razão que estamos chegando ao fim de nós mesmos, de nossos esforços, nossos métodos e estratégias e já estamos cansados de lutar contra esta “casta”.

Então vejamos, em terceiro e último lugar, o caminho de vitória para os discípulos de Cristo no confronto com “as castas” deste tempo.

 III – Jesus aponta o caminho completando a sua resposta aos discípulos “…A NÃO SER COM ORAÇÃO E JENJUM.”

            ‘Vocês não têm poder suficiente. Eu fiz o que vocês não puderam fazer porque eu tenho PODER, porque estou cheio do PODER DO ESPÍRITO  SANTO. Vocês nunca serão capazes de lidar com esta “casta” até  que tenham buscado de Deus o poder que só Ele pode lhes dar.’

‘Vocês têm que se conscientizar de sua necessidade, de sua impotência, de sua incapacidade. Vocês precisam compreender que estão confrontando algo que é profundo demais para ser resolvido pelos seus métodos, vocês precisam de algo que pode atingir esse poder maligno e abala-lo, e há somente uma coisa que pode fazer isso: É O PODER DE DEUS ( Atos 1,8).

Amados, não necessitamos de mais conhecimento, mais apologética, mais organizações, mais métodos, mais recursos… NÃO! NÃO! NÃO! O que precisamos é do PODER DE DEUS que pode expulsar as castas da incredulidade, imoralidade, indiferença, materialismo, idolatria, feitiçaria, cegueira espiritual que dominam o povo de nossa cidade e de nosso país. Poder  que pode entrar nos corações dos homens e humilhá-los, quebrantá-los e restaurá-los.

Amados, sem esse PODER não podemos enfrentar a Satanás e ao mundo hostil. Não vejo esperança para este menino, para este mundo dominado e escravizado por Satanás até que nós, membros da Igreja de Jesus Cristo, estejamos orando pela vinda do PODER DE DEUS sobre nós. Orando com JENJUM. Orando com URGÊNCIA E PERSEVERANÇA. Orando na Igreja, no lar, na fábrica, na escola, na fazenda…

O  caminho para o AVIVAMENTO  que precisamos nesses dias é a ORAÇÃO E A UNÇÃO DO ESPÍRITO SANTO. Os recursos materiais e humanos, as técnicas e métodos devem ser regados com o óleo da Unção do Espírito Santo mediante o movimento intenso de oração da Igreja.

     CONCLUSÃO

                        “ESTA CASTA” – façamos o diagnóstico correto do momento presente…

“… NÃO SAI COM COISA ALGUMA…” – compreendamos a futilidade de todos os nossos esforços, métodos, recursos materiais…

            “… A NÃO SER COM ORAÇÃO E JEJUM’. – sintamos a nossa absoluta necessidade de Oração e Jejum  que trará o AVIVAMENTO ESPIRITUAL pelo revestimento de Poder e Unção do Espírito Santo em NÓS.

Anúncios

Publicado em 15/07/2015, em SERMÕES e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: